contato

Base Florianópolis - Santo Antônio de Lisboa
fone: 48 988113123
Prof. Marcelo Visintainer Lopes
escoladevelaoceano@gmail.com

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Xtreme Projects Costa Oeste


Fotos: Arquivo Oceano

Estas são algumas das imagens captadas durante a segunda edição do Xtreme Projects da Revista Iate Clube.
As demais fotos e tudo que rolou na expedição você verá na edição julho/agosto da revista.

Aguardem....

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Curso de Mestre Amador


Iniciou nesta segunda (21 de junho) mais uma turma do curso preparatório para a Habilitação de Mestre Amador. O curso prossegue nos dias 22 e 23, 28 e 29, sendo que a última aula será realizada a bordo do veleiro escola. Durante a navegação noturna os alunos deverão colocar em prática todos os conhecimentos adquiridos durante as 04 noites de teoria, desenvolvendo conceitos da carta náutica como simbologia e abreviaturas, plotagem de coordenadas, obtenção de rumos verdadeiros, cálculos de declinação e obtenção de posição através da navegação estimadada e cálculos de distância, velocidade e tempo. GPS, utilização de instrumentos de navegação, utilização de instrumentos eletrônicos de apoio, utilização de pontos de referência em terra para marcações, procedimentos de segurança, luzes de navegação e RIPEAM também farão parte da prática.

terça-feira, 22 de junho de 2010

Stand Up Paddle no Guaíba



Venha conhecer o Stand Up Paddle na Escola de Vela Oceano.
Temos vários equipamentos à disposição... Ligue e marque uma remada experimental.
Faz bem para a cabeça e para o corpo!!
Como dependemos do vento para nossas atividades de vela arrumamos o que fazer nas calmarias. É sensacional!!

2º final de semana do Módulo I - sábado de chuva e domingo clássico

A 3ª aula do módulo I seria ralzada no sábado (19) mas a chuva e a falta de vento não permitiram.
A chuva propriamente dita não chega a atrapalhar uma aula de vela mas a falta de vento sim, essa complica bastante, ainda mais com a correnteza que havia naquela tarde.
No domingo, o sol apareceu meio tímido mas com o passar das horas foi ficando mais forte.
Como era dia de jogo do Brasil combinamos de trocar o horário da aula para o início às 10h, sendo que o horário normal é às 14h.
O vento norte/noroeste com 06 a 08 nós colaborou para uma navegada tranquila e muito proveitosa nas repetições de manobra. Deu até para ensaiarmos uns jaibes e forçar algumas orças, preparando o pessoal para o Módulo II, já que estas são técnicas específicas do II.
E o frio? Tava daquele jeito: sensação térmica de 0º com o vento de 6 a 8 nós.
O pessoal foi preparado com luvas e toucas e se sairam muito bem!
Para recuperar a aula do sábado marcamos a última aula para sexta-feira (25), também dia de jogo do Brasil. Vamos nos encontrar no clube logo após o jogo.
Como é a última aula do Módulo II realizaremos o tradicional exame prático e também a prova oral e em seguida, já em terra, os alunos receberão seus certificados de conclusão e as carteiras de registro.
A partir desta turma todos os certificados serão entregues logo após o término da última aula, evitando a marcação de datas futuras para a entrega.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Vela Oceânica - Módulo I turma de junho




Iniciou neste final de semana (12 e 13) mais uma turma do curso de Iniciação à Vela Oceânica.
A condição do sábado foi boa com vento do quadrante leste de 12 a 15 nós e sem ondas. O dia foi de sol com temperatura moderada e no final da tarde com aquela despencadinha básica. Deu até para puxar a toquinhas de lã da mochila. Como foi a primeira aula, ficamos navegando com vento de través no trecho Iate Clube - Coroa do Cristal (conhecido banco de areia que fica em frente ao Estaleiro Só, no outro lado do canal de navegação). O início foi só de vela grande e depois subimos a genoa 2, alternando momentos de sobe e desce de genoa, conforme a condição de vento pedia. O sol nos deu adeus daqule jeito que estamos acostumados em Porto Alegre: cada dia diferente e parecendo mais lindo que o dia anterior.
No domingo o dia amanhceu sem vento mas lá pelas 2 da tarde o sul entrou, com velocidade variando entre 8 e 10 nós. Rumamos para a costa oeste e na proa, os pontos de referência variavam das chaminés às antenas na cidade de Guaíba, numa navegada de contra-vento com adernação variando entre 10 e 20°. Passamos a uns 10 metros da Ilha do Presídio e depois rumamos para o Morro do Sabiá, eixando a Ponta do cachimbo por bombordo.
A volta para o clube foi com vento um pouco mais fraco em uma navegada de través a popa.
A velejada foi bastante técnica mas tivemos oportunidade de contemplar algumas belezas do Guaíba como as revoadas dos biguás, as garças, as tainhas pulando na água, as gaivotas, etc, etc,
Final de semana que vem tem mais....


segunda-feira, 7 de junho de 2010

Lançamento da Revista Iate Clube - Edição dos 80 anos

Foto: Ronaldo Torre
Lançamento da 6ª edição da Revista Iate Clube
Na quinta-feira dia 27 de maio foi realizado o coquetel de lançamento da Revista Iate Clube - Edição especial dos 80 anos.
A Revista ficou muito bacana. São 50 páginas coloridas com belas matérias e imagens incríveis. Destas, 16 foram dedicadas para a expedição Xtreme Projects da X3 Marketing Esportivo em parceria com a Escola de Vela Oceano.
O projeto iniciou na edição anterior (05) com a expedição para a Ilha do Presídio e Ilha da Casa da Pólvora.
Na edição de aniversário fomos até a Lagoa dos Patos, logo após a divisa do Guaíba com a Lagoa, no Farol de Itapuã.
Leia abaixo parte do diário de bordo escrito por nosso tripulante Leandro fraga (Raí) da Ecolife:
A Bordo do Veleiro Escola continuamos a Expedição Xtreme Project com a visita as Praias do Tranqüilo, do Tigre, Fortaleza, Sítio, entre outras. Esta segunda etapa do projeto, marca a saída da expedição do Lago Guaíba em direção a Lagoa dos Patos, considerada a maior do mundo com 280 km de extensão e 70 km de largura na parte mais longa. Você, leitor da revista Iate Clube, verá nas fotos, lugares dos mais lindos já vistos na sua vida, pode ter certeza. Em pensar que esses lugares estão aqui, do nosso lado........ imaginem a beleza que presenciamos a bordo do veleiro em 24hs de navegação...foi uma extrema satisfação!
Depois de passar pelas Ilhas do Presídio e Pólvora na primeira parte da Expedição Xtreme Project onde escrevemos a impactante matéria nomeada como “ILHAS DE ABANDONO”, a tripulação convidada para o próximo desafio se encontrou às 05h23 do dia 28 de abril, no Iate Clube Guaíba, onde rumamos para lugares mágicos, desconhecidos da população da nossa cidade, e que com certeza fazem parte de um cenário dos mais belos cartões postais do mundo. Saímos do ICG com um belo por da lua e um lindo nascer do sol, demonstrando que o dia seria surpreendente. A frente da embarcação estava nosso capitão Marcelo Lopes e os tripulantes Leandro Ávila, Guilherme Gnomo da X3, Leandro Raí da Ecolife Aventura e o fotografo André Larrea, onde fomos para nossa primeira parada na Ponta Grossa. Ao sairmos com todos a bordo os comentários já eram ouvidos, “ olhem o nascer do sol” , “ o por da lua”, “olha isso”, “olha aquilo”...imagens clássicas do nosso amado Guaíba. A exuberância da natureza era tamanha, que o silêncio da mesma era a melhor resposta para os nossos anseios!
Na Ponta Grossa tivemos nossa primeira parada, mais pontualmente na Praia do Tranqüilo, famoso reduto “nas antigas” de esqui aquático, pelas suas águas lisas, consideradas espelhos dágua.. Segundo Marcelo Lopes, nosso capitão, a vegetação é a mesma de Angra dos Reis (Mata Atlântica), só mudando a coloração da água que a nossa é escura e em Angra é verde. Apesar da coloração, a qualidade da água já é bem agradável. E o melhor, tudo isso a poucos minutos do centro de Porto Alegre. Para chegar ao Tranqüilo, somente de barco, no mesmo não tem trapiches, tendo apenas uma possibilidade de chegar à areia, usando um Stand Up Paddle, esporte havaiano que tem tudo a ver com a orla do nosso Guaíba. Existem algumas áreas na praia, mas todas particulares.
Leia a matéria na íntegra no www.x3.esp.br/revistaiateclube/

Regata de 80 anos do Iate Clebe Guaíba

Foto: Mara Ávila
Regata dos 80 anos do Iate Clube Guaíba
Se a organização do evento tivesse sonhado e planejado uma condição meteorológica parecida com a da regata do aniversário dos 79 anos (2009), com certeza não conseguiria.
Foi exatamente o que aconteceu. A condição de vento do domingo estava sinistra como no ano passado (pouca coisa a menos). O quadrante era o mesmo (WSW) com ondas de meio metro e rajadas passando dos 30 nós.
Ao contrário dos outros barcos da RGS corremos com a vela grande toda em cima. Estávamos com a genoa 3 igual aos outros mas a vela grande fazia a diferença nos ventos folgados. Apanhávamos na perna de contra-vento mas nas outras duas pernas estávamos mais rápidos que os adversários Taz e Magia.
Foi um pega lindo. Pena não termos visto o Taz antes da largada, pois teríamos nos posicionado de forma a exercer uma marcação mais agressiva em relação a ele. Nestas condições quem larga na frente chega na frente.Parece mentira mas tinha tanto vento que mal dava para prestar atenção nos outros barcos, tanto que não o vimos nos minutos que antecedem à largada.

Resultado final corrigido após o erro de anotação da comissão de regata:
1º Taz
2º Oceano II (veleiro escola)
3º Magia
No ano passado também ficamos em 2º atrás do Ces't La Vie.

Tripulação 2010 do Oceano:
Marcelo Lopes (timão, tática e vela grande)
Kauli Lopes (escota da genoa)
Marcelo Nunes (adriças)
Leandro Ávila (borda)
Leonardo Albuquerque (borda)

Veja abaixo o relato da regata do ano passado publicado no site da revista Náutica:

Alunos da Escola de Vela Oceano enfrentam vento forte na Regata de Aniversário do ICG.
Por Mariana Peccicacco
Da redação

A regata de Aniversário do Iate Clube Guaíba que aconteceu no último dia 31, teve a participação especial de alunos da Escola de Vela Oceano. Os cinco novos velejadores, que estão fazendo o Curso de Iniciação à Vela Oceânica enfrentaram os fortes ventos do Guaíba para comemorar os 79 anos de existência do clube. Mesmo debaixo de muito frio os alunos mostraram, a bordo de um Delta 26, que tem vontade de competir, e não desistiram da regata.
Leia abaixo o relato do comandante e professor Marcelo Lopes:
Minutos antes da largada a Comissão de Regatas já sinalizava ventos de 25 nós (46km/h) com rajadas de 35 nós (65km/h). O percurso foi bastante duro em função da força do vento, mas no final tudo deu certo: vencemos todos os outros barcos da mesma classe (Delta 26) e ficamos em segundo na geral da RGS. Perdemos apenas para um barco maior que estava competindo fora de sua classe de origem (ORC).
Um dos trechos da regata de percurso que mais marcou foi o trecho da Ilha do Presídio até o farolete da Piava. Próximos do través do Jangadeiros fomos ultrapassados por um dos barcos que competia em outro percurso, pois sua classe era diferente da nossa. Era o Piazito Colorado, capitaneado pelo Kadu Bergental. Ao perceber a rápida aproximação do Piazito, abri um pouco para boreste e quando ele passou, colei na popa dele para tentar pegar as ondas que se formam atrás do barco. Como o vento era forte deu para encaixar bem na ondas, tirando todo o proveito que a regra permite. Surfamos por vários minutos nestas ondas, mantendo a distância de não mais de 1 metro da popa deles. Sem dúvidas foi a parte mais descontraída da regata.
A sensação foi a mesma de estar no vácuo de um caminhão, pois enquanto estivemos colados na onda de popa o barco não conseguiu abrir e ao mesmo tempo mantínhamos a mesma velocidade que ele. Foi uma ótima experiência para todos os alunos que puderam absorver, além das técnicas de velejo no vento forte (em condições extremas), também a mais importante e valiosa virtude: o companheirismo e o espírito de equipe!
Quando chegamos ao clube, as rajadas já passavam dos 40 nós e lá pelas 16h o vento alcançava rajadas de 50 nós (92,6km/h). Alguns barcos não conseguiram chegar em seus clubes de origem e tiveram que atracar em outros clubes mais próximos da linha de chegada. Gostaria de parabenizar meus tripulantes: Gustavo Verzoni, Carlos Moré, Marcelo Nunes, Pablo Bittencourt e Marcelo Barbosa pelo empenho e pelo frio que conseguiram suportar, mesmo molhados dos pés à cabeça.

Leia a notícia no site www.nauticaonline.com.br (03 de junho de 2009)

domingo, 6 de junho de 2010

Foto: Mara Ávila
Conheça nosso novo espaço de ensino. Aqui são realizados os cursos teóricos e também é o ponto de encontro dos finais de tarde. Café, revistas e cultura náutica.

Foto: Leandro Fraga
Família Oceano (Kauli, Mabi, Mara e Marcelo) .








Coquetel de lancamento do 4º Salão Náutico do Mercosul

Foto: fotógrafo queb
Lançamento do 4º Salão Náutico do Mercosul
O Shopping Barra Sul foi o palco para o lançamento do 4º Salão Náutico do Mercosul. Esportistas, expositores e autoridades prestigiaram o evento que neste ano muda de endereço. Depois de 3 anos consecutios no centro da cidade vai para a zona sul. O Salão será ralizado dentro do próprio shopping e as atividades náuticas ocorrerão à beira do Guaíba (em frente ao shopping).

Foto: fotógrafo queb

Guilherme, Marcelo, Mara, Leandro e Débora no coquetel de lançamento.

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Blog da Escola de Vela

Agora, além site da escola, contamos também com o blog Escola de Vela Oceano. Acompanhe nossas próximas postagens. Abraços e bons ventos ~~ _/) ~

Salão Náutico do Mercosul 2009




Fotos: Mara Ávila
Salão Náutico do Mercosul 2009

No final do ano de 2009 a Escola de Vela Oceano esteve presente no 3º Salão Náutico do Mercosul. O evento náutico apresentou ao mercado gaúcho lanchas de pequeno e médio porte, equipamentos náuticos, barcos à vela, carros e imóveis (Salão do Automóvel e do Salão do Imóvel). Os dois últimos ingressaram no Salão Náutico a partir desta 3ª edição e já estão confimados para o 4º salão devido ao grande sucesso. Por falar em sucesso não podemos esquecer do insuperável "Paradouro". Chairs, Churrascaria Santo Antônio e Gokan Sushi foram algumas das principais operações gastronômicas que fizeram parte do cenário debruçado sobre o Guaíba. Por água, circularam pelas águas da baía do Salão lanchas de todos os portes, jets, veleiros, botes e algumas pranchas de Stand Up Paddle.
Atuamos na coordenação dos eventos náuticos trabalhando em parceria com o Mário Silveira da Pódium. Ministramos o curso preparatório para a Habilitação de Arrais Amador, onde 50 alunos puderam se preparar o exame da Marinha. Foram duas noites de aulas teóricas e mais um sábado de aulas práticas (fotos acima) a bordo do barco de resgate do Iate Clube Guaíba. O curso contou com o apoio incondicional da Marinha que além de ter reservado uma data especial para a realização do exame, conseguiu ralizar a entrega das Habilitações em menos de uma semana.
Organizamos também a 1ª Regata de Vela Oceânica do Salão Náutico. O evento foi realizado com uma condição de vento fraco a médio e a entrega de prêmios ocoru na ponta do trapiche do paradouro como veremos na foto a seguir. Várias mudanças são esperadas para o Salão de 2010. Aguardem...